Blog de Marketing Digital

RECEBA NOSSOS CONTEÚDOS POR E-EMAIL

Como criar conteúdo para cada etapa do funil?

Saiba tudo sobre o Funil de Vendas e aprenda como criar conteúdo ideal para cada uma de suas etapas, tornando a Jornada de Compras mais eficiente!

Trabalhar com marketing digital é viver pensando em estratégias que possam trazer cada vez mais retorno e visibilidade para seu negócio. Sabemos que conquistar novos clientes exige tempo e dedicação e, para lhe auxiliar nesse processo de captação, o funil de vendas passa a ser nosso melhor amigo.

Quando o assunto é aumentar vendas, todo cuidado é pouco. Para realizar estratégias bem sucedidas, é preciso entender como criar conteúdo para cada etapa do funil, resultando na evolução do potencial cliente potencial e em sua jornada de compra.

É sobre esse tema que conversaremos hoje. Vamos entender o conceito de Funil de Vendas e aprender de uma vez por todas a como criar conteúdo para cada uma de suas etapas. Vamos começar?

O que é Funil de Vendas?

O funil de vendas é basicamente um modelo estratégico para acompanhar a jornada do cliente desde a visita em seu site até a concretização de uma compra. O mesmo é dividido em estágios no qual cada um deles determina em qual etapa da compra o cliente potencial está.

Essa movimentação do potencial cliente é conhecida como Jornada de Compra. Ao fazer o acompanhamento dessa jornada, através do Funil de Vendas, você consegue determinar qual o tipo de conteúdo criar ou qual ação tomar para que o potencial cliente “evolua” para as próximas etapas. Além disso, o funil oferece benefícios significativos para seu negócio, quais sejam:

Benefícios do Funil de Vendas

  • Aumenta a produtividade;
  • Aproveita melhor as oportunidades;
  • Otimiza tempo;
  • Melhora a gestão e acompanhamento de resultados.

O objetivo do Funil de Vendas é auxiliar seu negócio na criação de estratégias para a conquista de novas vendas e fidelização de clientes. Para isso, é importante que você saiba o que e como criar conteúdo para cada estágio do funil. Conheça as etapas no tópico a seguir!

Etapas do Funil de Vendas

Entender cada uma das etapas e como devem funcionar é de extrema importância para a criação de estratégias e nutrição de leads. É conhecendo-as que você saberá quais passos devem ser tomados. Elas servirão como uma bússola, indicando quais e como criar conteúdos, para o potencial cliente continuar evoluindo no funil até de fato converter-se cliente.

Conheça abaixo, as quatro etapas do funil de vendas:

Visitante

A primeira etapa do funil é onde há o número maior de pessoas. Aqui, encontram-se pessoas que, por algum motivo, visitam seu site ou blog. Elas ainda não estão interessadas em negócio ou nem se quer sabem da existência de algum problema. Ao visitar seu conteúdo, elas tomarão consciência de que há uma necessidade a ser suprida.

O objetivo nesta etapa é captar a atenção do potencial cliente através da produção de conteúdos que os façam passar para a etapa seguinte, tornando-os leads. Criar conteúdos de qualidade e com um bom design é essencial, afinal, a parte visual ajuda a captar atenção do leitor.

Lead

No meio do funil estão aquelas pessoas que realizaram alguma ação e deixaram de ser apenas visitantes. Aquelas que deram um voto de confiança para seu conteúdo e forneceram seus dados de contato.

A essa altura do funil, os leads já têm certa consciência de suas dores. Assim, você deve fazer a Nutrição desses Leads, que seria a consolidação de um relacionamento com ele, através do envio de informações úteis a ele. Ao construir esse relacionamento, além de nutrir esse potencial cliente com informações relevantes sobre suas dores e possíveis soluções, ele conhecerá seu negócio e avançará para um novo estágio no funil.

Oportunidade

O Lead foi capturado e nutrido, passando para a próxima etapa. Agora, esses leads tornam-se oportunidades de negócios. Aqui, o Lead já está inclinado a efetuar uma compra e o contato pode ser feito. A nutrição deve ser realizada de forma mais direta, apresentando seu produto como a melhor solução para suas dores. O intuito da abordagem direta é fazer com que o lead passe para a última etapa, concretizando a compra e tornando-se cliente.

Cliente

A última etapa é tão importante quanto as anteriores. Seu lead foi qualificado e a jornada foi realizada com sucesso. É hora de desfrutar dos benefícios que seu produto ou serviço oferece. Mas calma, não pense que o trabalho acaba aqui. Você precisa fazer a retenção desse cliente, assim, as chances de ele realizar novas compras aumentam.

Agora que você já tem conhecimento das etapas do Fundo de Funil e se conscientizou do quão importante ele é para seu negócio, vamos aprender qual o tipo e como criar conteúdo ideal para cada uma das etapas.

Como criar conteúdo para cada etapa do Funil de Vendas?

Saber como criar o conteúdo ideal para cada etapa do funil é de extrema importância para influenciar o potencial cliente a passar para as próximas etapas. Saiba então, quais os conteúdos indicados para estimular essa evolução.

Topo de Funil

Para empresas que estão querendo atrair e aumentar sua base de leads, os materiais mais indicados são: criação de blog posts, vídeos, infográficos, podcasts, newsletter, ebooks introdutórios, webinars, conteúdos em redes sociais. Formatos de conteúdos é o que não faltam. Procure produzir materiais abrangentes para essa etapa do funil, com linguagem clara e de fácil acesso. Use sua criatividade e atraia mais visitantes!

Meio de Funil

Aqui o conteúdo deve ser mais informativo, evidenciando as dores e apresentando possíveis soluções. No entanto, isso não significa falar diretamente de seu produto ou serviço. Ofereça materiais como blog posts, ebooks, templates, plano de estudos, ferramentas ou checklists. O objetivo aqui é educar o Lead, portanto, abuse de materiais que supram essa necessidade.

Fundo de Funil

Como o potencial cliente já está inclinado a solucionar suas dores, você deve oferecer materiais com as soluções, apresentando seus serviços e/ou produtos. Alguns conteúdos para esse fim são catálogos, cases de sucesso, demonstração de serviço e cupons de desconto. Conteúdos que influenciam a concretização da compra são ideais. Após a compra, procure continuar a relação com o cliente, como pedindo feedback ou oferecendo o acompanhamento da utilização do produto e/ou serviço adquirido.

Produzir conteúdos de qualidade é decisivo no momento da compra. Procure acompanhar a Jornada de compra e seja persuasivo. Lembrando que, essas são algumas opções de conteúdos, você não deve limitar-se a elas. Agora é partir para a ação e conquistar novos clientes!

Meu nome é Jade Zart, Assistente de Marketing Digital aqui na Primesoft.

Gostou do conteúdo deste post? Então compartilhe em suas redes sociais, vai que tenha alguém precisando de uma ajudinha também.

Caso tenha alguma dúvida, conte comigo. Estou aqui para lhe ajudar!

Ah, nos acompanhe também no Facebook.

Bons negócios e até a próxima!

Quer receber mais conteúdos como esse em seu e-mail?

Preencha o formulário abaixo para receber nossos conteúdos e torne-se um membro da comunidade PRIME!
Informe o seu nome.
Informe o nome da empresa.
Informe um e-mail válido.